Funcionário da Prefeitura doa livros à Biblioteca Municipal





O hábito saudável da leitura tem uma importância muito grande na formação cultural de uma pessoa. Desde a 1ª série, crianças aprendem nas escolas que saber ler um bom livro é essencial para se ter um melhor aprendizado, além de ser um ótimo exercício para a mente.

Por isso, ao longo da carreira escolar e acadêmica, as pessoas acabam por construir, em suas casas, pequenas coleções de obras de grande valor. No entanto, muitos estudantes que terminam o Ensino Médio ou a faculdade costumam descartar os livros que por anos ajudaram em trabalhos e provas. Isto se torna um desperdício, pois este material poderia ser reaproveitado por outros alunos. 

EXEMPLO
Pensando nisto, um funcionário público da cidade resolveu fazer a diferença. Nesta quarta-feira (08), às 11h, o chefe da divisão de redes e telecomunicações da Prefeitura Municipal de Araçatuba, Vladimir Batista Neto, fez mais uma doação de livros para a Biblioteca Municipal Rubens do Amaral. Grande parte dos livros doados era de Direito, curso no qual Neto já se formou. 

Nesta quarta-feira (8) pela manhã, Neto doou a terceira remessa de livros, de um total de 200 que preencherão as estantes da Biblioteca Municipal. Entre os materiais doados, estão livros de direito, revistas de tecnologia e enciclopédias. 

“Além dos livros de direito, cheguei a doar também para alguns amigos, livros de jornalismo. Estes de comunicação eram do meu irmão, que cursou jornalismo e atualmente já é formado. É importante que as pessoas se conscientizem que não é porque você terminou o estudo, que seus materiais não possuem mais valor. Muitos estudantes poderão no futuro precisar destes livros, sendo que alguns não podem comprar. Por isto, a doação se torna tão eficaz neste sentido”, afirma Neto. 

BIBLIOTECA
A Biblioteca Municipal Rubens do Amaral recebe livros quase todos os dias e grande parte do seu acervo são de doações. A maioria dos doadores são alunos recém formados, que não possuem espaço o suficiente em suas casas e optam por doar os materiais. 

Os livros que chegam à biblioteca, antes de irem para as estantes, passam por uma triagem, aonde são classificados de acordo com os temas. Depois de uma rígida verificação, os livros repetidos são trocados, sendo que a biblioteca sempre fica com o exemplar mais conservado. 

PONTOS
As raridades que sobram na biblioteca municipal são doadas para os sete pontos de leitura na cidade, mantidos em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura (SMC). 

Tais pontos estão localizados na Praça João Pessoa; na SMC; no Núcleo de Gestão Assistencial (NGA); no Departamento de Água e Esgoto de Araçatuba (DAEA); no Paço Municipal e nos prontos socorros do Santana e do São João. 

“Não existe nenhum tipo de burocracia para as pessoas que quiserem adquirir estas obras primas, distribuídas nos pontos de leitura. É apenas ir lá e pegar. Apenas os livros que já entraram em fase de decomposição é que são levados para a reciclagem. O nosso objetivo principal é que estes materiais ajudem a melhorar o conhecimento das pessoas, tanto de adultos como de crianças, para que assim elas tenham uma melhor visão do mundo atual.”, afirma a chefe de serviço da Biblioteca Municipal, Tânia Regina Capelari. 




Quem gostou da iniciativa de Neto e quiser seguir o exemplo, a Biblioteca Municipal Rubens do Amaral fica aberta ao público de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h e aos sábados, das 8h30 às 13h. A biblioteca fica localizada na rua Armando Sales de Oliveira, S/N. O telefone para contato é o 3622-5559.