Academia de Letras abre três vagas para autores de Araçatuba


Depois de receber dois novos acadêmicos em 2013, ALL (Academia Araçatubense de Letras) abre mais três vagas para escritores da cidade que desejam se tornar membros titulares. As cadeiras de números 5, 9 e 11, cujos patronos são Osmair Zanardi, Paulo Setúbal e Fabriciano Juncal, eram ocupadas respectivamente por Célio Pinheiro, Maria José Bedran, Mario César Rodrigues, mas receberão novos “donos” ainda este ano.

As vagas surgiram, de acordo com o presidente da academia, Tito Damazo, pelo fato de os antigos integrantes não estarem em condições de exercer as atividades relativas à entidade. Pinheiro e Maria José sofrem de enfermidades irreversíveis e Rodrigues alegou motivos pessoais que o impedem de participar de forma dinâmica dos projeto. Porém, os três não se desligam completamente da AAL; eles mudam de categoria e passam a acadêmicos titulares, perdendo o direito ao voto e de decisão por ações da entidade, que são próprias dos titulares da cadeira. Como explica Damazo, os agregados são isentos da anuidade – uma das obrigações dos titulares é uma contribuição de R$ 650,00, utilizada para despesas básicas da academia, como manutenção do prédio, contas de água, luz, internet e telefone e o salário de uma funcionária.

Para concorrer às vagas, é necessário residir em Araçatuba e ter pelo menos um livro individual de caráter cultural/literário ou cientifico publicado. Os interessados devem entregar na ALL, até o dia 25 de março, um exemplar do livro e duas cartas, uma escrita pelo candidato, solicitando do presidente a sua inscrição e com dados para contato, e outra de apresentação, redigida por uma acadêmico titular, que seria uma espécie de “padrinho”. O material será avaliado pelos acadêmicos titulares para, enfim, definir os novos integrantes.

Presidente da AAL, Tito Damazo
O edital será fixado no mural da AAL na segunda-feira (24); o local funciona de segunda a sexta-feira, das 13h às 17h. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (18) 3624-7638. A AAL fica na rua Joaquim Nabuco, 210, Centro de Araçatuba, próximo ao terminal de transporte coletivo.

A academia tem, no total, 20 cadeiras. No ano passado, os escritores Antonio Luceni e Emilia Goulart tomaram posse, ocupando os lugares que anteriormente eram do padre Charles Borg e do advogado Paulo Napoleão Nélson Basile Nogueira da Silva, afastados por motivos pessoais. Os três novos membros tomarão posse neste ano em sessão especial.


Além do preenchimento das novas vagas, Damazo afirma que os acadêmicos estão na expectativa sobre os projetos que poderão ser realizados com a aprovação da AAL como Ponto de Cultura. A entidade, assim como outras sete do município, já recebeu uma primeira no valor de R$ 60 mil para dar andamento a seus projetos. Parte da verba também pode ser investida em equipamentos; algumas aquisições, como aparelhagem de som e computador, já foram feitas pelo presidente para a AAL. “Pretendemos também voltar a publicar a revista Plural, lançar uma publicação de escritores de Araçatuba e montar espetáculos relacionados a literatura”, complementa.

Fonte: Folha da Região - Talita Rustichelli